INOVAÇÃO

Sartup Brasil: MDIC lança terceira edição do InovaAtiva Brasil

Convergência Digital ... 27/04/2015 ... Convergência Digital

O Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) lançou nesta segunda-feira, 27/04, a terceira edição do InovAtiva Brasil. O principal objetivo do programa, executado pela Fundação CERTI em parceria com entidades como Endeavor Brasil e SENAI, é ajudar empreendedores a transformarem iniciativas inovadoras de qualquer setor (Tecnologia de Informação, Indústria e Serviços) em negócios de sucesso.

Na primeira etapa, que vai até o dia 19 de junho, o InovAtiva receberá a inscrição de empreendedores interessados em participar do ciclo de aceleração. Estão aptas negócios pré-operacionais ou empresas estabelecidas com até cinco anos de operação, aquelas com faturamento anual máximo de R$ 3,6 milhões e que não tenham recebido investimentos superiores a R$ 500.000,00. Novos negócios (spin-offs) criados por empresas estabelecidas há mais de cinco anos também podem participar.

Após a fase inicial de inscrição, os projetos mais destacados passam para a segunda fase, na qual os empreendedores ficam em contato direto com mentores – empreendedores de sucesso, executivos de médias e grandes empresas, investidores e consultores – que ajudam as startups a compreender o mercado e a desenvolver seus produtos.

Na terceira e última fase, após mais dois meses de mentoria, os 100 negócios mais estruturados participam de uma banca de apresentação dos negócios a investidores e grandes empresas. Todas as atividades do programa são gratuitas aos participantes.

Alguns diferenciais da edição 2015:

•O MDIC aprovou um projeto no Prosperity Fund, programa de cooperação do Reino Unido, que prevê a ida de 15 finalistas do InovAtiva 2015 ao Reino Unido, com perspectiva de internacionalização para conectar os seus negócios com investidores, aceleradoras, empresas e outros atores britânicos;
•No Edital de Inovação da Indústria, que financia projetos de Pesquisa e Desenvolvimento de empresas em parceria com unidades do SENAI, os finalistas do InovAtiva terão uma pontuação extra na avaliação dos projetos pelo SENAI;
•Parceria com o Ministério da Educação no âmbito das Chamadas de apoio financeiro a projetos de empresas com Institutos Federais de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, “Chamada CNPq-SETEC/MEC - Apoio a Projetos Cooperativos de Pesquisa Aplicada e de Extensão Tecnológica”. A novidade é que o MEC vai criar dentro da Chamada uma Linha de Apoio exclusiva para startups finalistas do InovAtiva Brasil. As empresas finalistas das edições anteriores, 2013 e 2014, também terão acesso.
 
NÚMEROS - EDIÇÕES 2013 e 2014
•Projetos submetidos: mais de 2.300
•Startups selecionadas (Fase 2): 178
•Startups finalistas (Fase 3): 95

CRONOGRAMA
Lançamento: 27/04
Inscrição de projetos: 27/04 a 19/06
Divulgação dos 300 selecionados: 13/07
Fase 2: 13/07 a 09/10
Fase 3: 13/10 a 30/11

Mais informações sobre o Inovativa Brasil: inovativabrasil.com.br


Cloud Computing
Embraer cria sistema de big data e analytics com AWS e Claranet

Companhia criou o IKON, sistema para captação, armazenamento e análise de alto volume de dados para manutenção preditiva de aeronaves da família E-Jets. Com o novo produto, a coleta automática de dados passou de 12 dias para um processo imediato, garantindo que os dados estejam prontos para serem analisados ​​5 minutos após sua geração na aeronave.

TICs em Foco - TRANSFORMAÇÃO DIGITAL
Prever. Prevenir. Detectar e Responder

Essas são a exigência da remodelagem da gestão de riscos e da segurança organizacional nas corporações.

Arquitetura distribuída: uma tendência que vai chegar ao Brasil

Na China, conta Daniel Leung, chefe de Fintechs e Arquitetura na Forms Syntron, ao trocar a arquietura tradicional pela distribuída, um banco ficou apto a suportar até 100 milhões de contas correntes.

Adarsh Kumar, Capgemini: open banking é transformador, mas dados pertencem aos clientes

O open banking vai mudar o modelo de serviços bancários, afirma o CTO e líder de cibersegurança para a América Latina da Capgemini.

Thales Teixeira, da Harvard: disrupção digital vai muito além da tecnologia

"Unidades de negócios podem se tornar desnecessárias em empresas estabelecidas, e o CEO terá de tomar decisões relevantes", adverte o professor Thales Teixeira, da Harvard Business School.

Bradesco: Next não vai 'matar' o banco tradicional

O diretor-presidente do Bradesco, Octavio de Lazari Junior, garante que os dois modelos de negócio irão conviver, mas admite que as agências físicas vão mudar de perfil. Também revela que o Next mira um público mais jovem.

Brasileiro quer dar adeus às senhas com o uso maior da biometria

Sonho de consumo, revelado em estudo da IDEMIA, é de usar biometria para pagamentos online e para acessar ambientes dentro da própria casa. Brasil desponta em primeiro lugar no uso da biometria pela impressão digital, mas despenca posiçoes no uso do reconhecimento facial.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G