TELECOM

Netflix, Google, Facebook, WhatsApp tiram emprego e renda do Brasil

Luís Osvaldo Grossmann ... 19/08/2015 ... Convergência Digital

No embate teles x OTTs, o Ministério das Comunicações se alinha às operadoras das telecomunicações. O ministro Ricardo Berzoini incorporou as queixas das teles contra as empresas de internet e sustentou que negócios como Netflix, Google, Facebook e Whatsapp sugam receitas do Brasil e pouco contribuem para criar postos de trabalho no país.

“Grandes empresas mundiais usam a infraestrutura nacional de cada país mas que praticamente não investem nada para usar esse serviço. Falo dos OTTs, os serviços over the top que são as grandes operadoras de serviço da internet como Netflix, Google, Facebook, Whatsapp e tantos outros que conhecemos”, disse Berzoini ao discutir o futuro das telecomunicações na Câmara do Deputados.

Na audiência realizada nesta quarta, 19/8, ele insistiu que as OTTs “captam riqueza e renda e levam para fora do Brasil. São usuários da infraestrutura das operadoras públicas e privadas e são serviços que geram pouquíssima renda e emprego no Brasil, mas usam pesadamente a rede brasileira, produzida a partir de investimentos de empresas de capital multinacional mas gerando empregos no Brasil”.

Para não deixar dúvidas de onde vem o eco, Berzoini destacou que “muitos se surpreenderam com a franqueza do presidente da Vivo quando tratou do assunto”. Amos Genish disparou contra os concorrentes da internet e mirou especificamente contra o Whatsapp ao tratar o aplicativo como uma “operadora pirata” por permitir chamadas de voz sobre IP.

Para o ministro, outros países começaram a discutir essa questão “e o Brasil não pode ficar parado”. Ele afirmou que “o Netflix já ultrapassou em receita a Rede Bandeirantes e a Rede TV”, mas que “esse tipo de serviço subtrai empregos do povo brasileiro”. E concluiu que “esse debate tem que ser feito com objetividade ate por uma questão de estratégia econômica para o país”.

 


Internet Móvel 3G 4G
TIM e Claro lideram perda de assinantes. Pós-pago chega a 44,67% do mercado

Mercado móvel segue perdendo base, mas o pós-pago, privilegiado pela estratégia das teles móveis e pelo impulso do 4G, cresceu e chegou a 44,67% do mercado. Nextel, comprada pela Claro Brasil, detém 55% dos assinantes das chamadas prestadoras de pequeno porte.

Painel Telebrasil 2019
A 63ª edição do principal encontro institucional de lideranças do setor de telecomunicações e TICs acontecerá entre os dias 21 e 23 de maio de 2019, em Brasília. Saiba mais em paineltelebrasil.org.br
Veja o vídeo

Painel Telebrasil 2019 anuncia temas das 24 sessões temáticas

Evento, que é o maior do setor de Telecomunicações, acontece nos dias 21, 22 e 23 de maio, em Brasília. Ao todo, serão 24 sessões temáticas que vão abordar temas como capacitação digital, regulação responsiva, direitos de passagem e tributação para Internet das Coisas.

Teles fazem cadastramento para atualizar dados de clientes do celular pré-pago

O recadastramento dos usuários junto às operadoras começará nesta quinta-feira, 18/04, pelo DDD 62, alcançando progressivamente todo o País até agosto. Quem não fizer o recadastramento terá a sua linha bloqueada enquanto o cadastro não for atualizado.

Oi faz piloto de internet das coisas rural em 450 MHz

Rede integrada de sensores e dispositivos conecta uma das fazendas da trading Amaggi, em Mato Grosso. Segundo a Oi, faixa de 450 MHz "é fundamental para IoT no campo".

Para a Anatel, prêmio de acessibilidade inaugura regulação por incentivos

“Queremos mudar a ótica, promover competição por qualidade e uma ferramenta são os rankings. Agora acessibilidade, mas teremos no ano que vem de qualidade e atendimento”, diz o presidente da agência, Leonardo de Morais. A TIM foi a primeira colocada em ações de acessibilidade.




  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G