Home - Convergência Digital

Loggi recebe aporte de R$ 50 milhões

Convergência Digital - Carreira
Da redação - 24/08/2015

A Loggi, plataforma online de entrega expressa que conecta o cliente diretamente com o motoboy por meio do computador ou do celular, recebeu um aporte financeiro de R$ 50 milhões de três fundos de capital de risco - Dragoneer Investment Group, Monashees Capital, e Qualcomm Ventures, pertencente à Qualcomm Incorporated. Esta é a terceira rodada de investimentos na Loggi, que usou a estratégia de ampliar o seu quadro de investidores, trazendo expertises complementares fundamentais para dentro  do seu negócio.

O Dragoneer Investment Group é um fundo especializado em marketplaces, com investimentos no AirBnB, MercadoLivre, Alibaba, Flipkart, Etsy, entre outros. A Monashees Capital é o venture capital líder em investimento em empresas de tecnologia no Brasil, e a Qualcomm Ventures traz valor estratégico do mundo do mobile. Os dois últimos fundos já haviam investido na Loggi, aportando R$ 10 milhões, em setembro de 2014. O aporte inicial foi no valor de R$ 2,6 milhões, feito por investidores-anjo em Outubro de 2013.

“Com este novo aporte teremos mais condições ainda de manter o foco no desenvolvimento de uma plataforma única e oferecer uma experiência de usuário incrível”, afirma Fabien Mendez, CEO e co-fundador da Loggi. O executivo tem como meta manter o crescimento mensal de 30% do número de clientes da Loggi. A Loggi  possui atualmente 10  mil clientes corporativos.

Em operação há menos de dois anos, a Loggi hoje atua com uma rede de mais de mil motoboys legalmente habilitados, que fazem mais de 150 mil entregas por mês na Grande São Paulo. O serviço de entregas expressas pode ser solicitado pelo site da Loggi  ou por smartphones iOS e Android. Atualmente a Loggi gera uma economia de cerca de 1 hora no tempo médio de entrega e pratica preços aproximadamente 20% menores do que a média do mercado. Funciona diariamente até às 22h inclusive nos finais de semana.





Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

14/06/2019
Governo faz consulta pública sobre unificação de aplicativos do gov.br

04/06/2019
Mais dois desenvolvedores de apps acusam Apple de conduta anticoncorrencial

27/05/2019
Uso de smartphones para pesquisar passagens aéreas cresce 130%

13/05/2019
Suprema Corte dos EUA processa Apple por monopólio na App Store

10/05/2019
Aplicativo da Previdência Social terá novos serviços

09/05/2019
Para STF, restrições e proibições a apps de transporte são inconstitucionais

26/04/2019
Uber teve prejuízo de 1 bilhão de dólares no primeiro trimestre

12/04/2019
Uber diz ter 91 milhões de usuários no mundo

04/04/2019
Empresas recorrem ao STF contra "uber dos ônibus"

07/02/2019
Anatel terá app para comparação de preços, mas ele só fica pronto em 2020

Destaques
Destaques

Para injetar R$ 200 bilhões na economia, IoT tem de ficar livre das amarras tributárias

Relator da proposta de tributo zero para Internet das Coisas, deputado Eduardo Cury, do PSDB/SP, disse que o setor precisa municiar o Parlamento com dados para convencer à Casa a conceder a desoneração.

5G exige muito espectro para entregar tudo que se espera da tecnologia

Anatel, indústria e teles sustentam que a nova onda tecnológica só vai atender as demandas esperadas se tiver frequência suficiente para melhorar os serviços.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

O potencial pouco explorado da Internet das Coisas

Por Daniel Kriger*

A grande mudança que a Internet das Coisas (IoT – Internet of Things) trará para a vida das pessoas está além da facilidade de se preparar um café, programar um banho quente ou economizar na conta de luz. Dar conectividade a objetos e abrir espaço para comandos inteligentes em inúmeras tarefas do dia a dia é um dos principais propósitos de IoT. Mas não é só isso.


Copyright © 2005-2019 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site