NEGÓCIOS

EMC Brasil: Crise econômica não cancelou projetos, mas exigiu novas negociações

Ana Paula Lobo ... 26/08/2015 ... Convergência Digital

Veja a cobertura especial do EMC Forum 2015O segundo semestre promete ser desafiador, mas há uma expectativa de recuperação no último trimestre, afirmou o presidente da EMC Brasil, Carlos Cunha. Segundo o executivo, apesar de os orçamentos de TI terem sido definidos no ano passado - quando o dólar estava em R$ 2,60 - os projetos inovadores, especialmente os ligados ao big data, não estão sendo cancelados, mas, sim, rediscutidos e adequados aos budgets disponíveis.

"Não tivemos projetos cancelados. Mas o momento é de conciliar a necessidade de Inovação com a TI tradicional. O CIO vive um momento muito desafiador. E cabe a nós, fornecedores, ajudar a encontrar a melhor fórmula", disse Cunha. Não por acaso, o tema do EMC Forum 2015, que ocorre nesta quarta-feira, 26/08, em São Paulo, é Redefinir a TI. "Há a necessidade de fazer novas configurações para os projetos poderem andar sem o orçamento antes pensado. Com o dólar a R$ 4,00 é necessário ajustar. E este é um processo que une cliente e fornecedor",acrescentou.

Ainda de acordo com o presidente da EMC Brasil, o país abraçou o big data. "O mercado entendeu que o dado sozinho não é importante, mas, se ele vira uma informação, pode transformar o negócio e facilitar a inovação", acrescentou. O grande desafio, destacou ainda o executivo, é o legado existente no País.

"Temos muitos sistemas antigos ainda sendo usados para atender a demanda. E neste patamar estamos avançando no uso do storage definido por software ou o data center definido por software", reforça. Com o big data, sem legado, um  projeto pode trazer retorno financeiro em até três meses e, por isso, abre frentes dentro das corporações", estabelece o presidente da EMC Brasil.

Veja a cobertura especial do EMC Forum 2015


Cloud Computing
Banestes investe na nuvem para vender serviços digitais em todo o Brasil

Banco público do Espírito Santo conduz uma transformação de sistemas para a oferta de novos produtos, mas o CIO, Silvio Grillo, diz que a mudança cultural é tão relevante quanto a tecnologia.

Com a transformação digital, bancos assumem o desafio de reter o cliente

Líderes dos principais bancos do País destacam IoT, computação cognitiva e blockchain como fundamentais para o futuro do setor.

Consultoria brasileira Yaman firma parceria com a Tricentis por transformação digital e DevOps

Acordo entre as empresas permtiirá acelerar a fase de testes de software com uso de robôs.

Em 10 anos, faturamento e empregos em TI no Brasil crescem mais de 70%

Como mostra um raio-X feito pela Softex, TI avança quatro vezes mais rápido que o PIB e pode agregar mais US$ 70 bilhões à riqueza nacional com o desenvolvimento de competências digitais.

Hi Platform comprou a SamChat e movimenta mercado de chatbots no Brasil

Com uma carteira de 900 clientes, empresa passa a contar no portfólio com companhias como Marabraz, Brascol, entre outras. O valor da transação não foi revelado. Hi Platform espera um faturamento de R$ 47 milhões em 2019.


3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018 - Cobertura Especial Convergência Digital
Brasscom lança manifesto para construir um Brasil Digital e Conectado

Entidade quer a colaboração da sociedade e de entidades de TI ou não para entregar um documento aos presidenciáveis. "Tecnologia precisa ser prioridade nacional", diz o presidente-executivo da Brasscom, Sergio Paulo Gallindo.


Veja a cobertura da 3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018

  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G