Home - Convergência Digital

As OTTs não matam o e-mail no ambiente de trabalho

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital* - 27/08/2015

O e-mail não morreu e não será extinto por causa da popularidade das mensagens instantâneas e das mídias sociais, revela uma pesquisa encomendada pela Adobe Systems, e divulgada nesta quinta-feira,  27/08.  O estudo aponta que o e-mail segue em alta como ferramenta de comunicação de trabalho e terá papel crucial nas estratégias nos próximos cinco anos.

A pesquisa, que ouviu 400 executivos dos Estados Unidos, mostra que mais de 90% deles verificam os e-mails pessoais no ambiente de trabalho. Já 87% disseram que verificam os e-mails de trabalho fora do expediente. O tempo gasto para a checagem dos e-mails está em torno de 6,3 horas/dia, sendo 3,2 horas dedicadas aos e-mails de trabalho e 3,1 horas aos e-mails pessoais.

Ainda para metade dos executivos entrevistados, o uso do e-mail deverá crescer no ambiente pessoal e corporativo, sendo que 19% acreditam que a demanda pelo e-mail deverá aumentar substancialmente até 2020, por conta do maior uso da Rede Mundial como ferramenta de trabalho e da convergência com os dispositivos móveis. "O e-mail é e se manterá como um marco da cultura do local de trabalho", pontuou Kristin Naragon da Adobe Systems.

*Fonte: Agência Reuters

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

19/02/2019
Vivo reforça parceria com Globosat por conteúdo de streaming

19/02/2019
Cliente da Claro/NET vai pagar Netflix em uma única fatura

25/10/2018
Avanço da Anatel sobre internet prejudica inovação, argumenta PSB

24/10/2018
Apple terá serviço global para concorrer com Netflix e Amazon

15/08/2018
Facebook acirra disputa com TVs com transmissão ao vivo da Liga dos Campeões para América Latina

24/05/2018
Brasil entra no acordo Telefónica/Netflix até o final do ano

10/05/2018
Brasil emplaca conceito global de OTT na União Internacional de Telecomunicações

01/03/2018
Associação de OTTs quer mostrar que Brasil pode ter as suas próprias 'Netflixs'

20/02/2018
STJ afirma que acesso ao WhatsApp sem ordem judicial é ilegal

08/01/2018
Brasileiros enviaram 10 bilhões de mensagens via WhatsApp na virada do ano

Veja mais artigos
Veja mais artigos

O futuro do trabalho colocado à prova

Por Luiz Camargo*

Novas profissões exigem também novas habilidades para acompanhar a revolução digital. Os novos empregos certamente irão demandar habilidades analíticas, matemáticas e digitais, com um toque de neurociência.

Destaques
Destaques

Falta de mão de obra qualificada espanta investidores no Brasil

Mais de 50% dos jovens brasileiros podem ficar fora do mercado de trabalho por falta de qualificação e de habilidades digitais. A advertência foi feita por especialistas que debateram sobre educação e capacitação digital no Painel Telebrasil 2019.

Assespro é contra a regulamentação da profissão de TICs

Entidade das empresas de TI se posiciona contrária ao PLS 317/17. que passa a exigir diploma de profissões como Analista de Sistemas, desenvolvedor, engenheiro de sistemas, analistas de redes, administrador de banco de ados, suporte e profissões correlatas.

Mais de meio milhão de brasileiros trabalham com TICs

Raio-X do mercado de trabalho nos últimos 10 anos, feito pela Softex, mostra que o salário médio de R$ 6 mil.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site