INOVAÇÃO

O consumidor é o rei da nova era digital

Roberta Prescott e Rodrigo dos Santos ... 18/11/2015 ... Convergência Digital

Ao citar as grandes tendências da área de tecnologia em segurança, big data, computação em nuvem, redes sociais e mobilidade, Rogério Boros, gerente Sênior de Negócios para a América Latina da Microsoft, afirmou que as informações oriundas do big data estão mudando a forma de fazer negócios e de utilizar serviços. Segundo o executivo, não há mais uma única aplicação matadora, mas várias estão aparecendo e deverão aparecer daqui pra frente.

"As redes sociais impactam muito os negócios e elas não existiam até bem pouco tempo", pontuou Boros. Ele lembrou ainda que 79% dos profissionais de vendas atingem suas cotas de vendas usando as redes sociais. "E isso não vai mudar. Só vai aumentar", acrescentou.

A computação em nuvem, acrescentou Boros, só consegue andar porque existe a banda larga. "Não existiriam empresas como o Mercado Livre se não existisse banda larga e nuvem", reforça. Para Boros, o momento macroeconômico passa por ciclos e numa etapa de baixa, o profissional que sabe lidar com as dificuldades ganha espaço. "A crise passa. E quem trabalha na área sabe que pode mudar se fizer o que tem de ser feito".

com a transformação digital, o usuário - que era a última ponta no negócio - está ganhando um novo status. “Estamos entrando em um novo planeta, com a pessoa empoderada. Nós não queremos ser tratados como uma sardinha enlatada. É a era do consumidor”, disse durante palestra no VIII Seminário TelComp, realizado dia 16 de novembro, em São Paulo. Assistam.


TICs em Foco - TRANSFORMAÇÃO DIGITAL
Prever. Prevenir. Detectar e Responder

Essas são a exigência da remodelagem da gestão de riscos e da segurança organizacional nas corporações.

Maganine Luiza abre concurso para escolher startups

Rede varejista está com inscrições abertas para o seu primeiro pitch day de serviços digitais. "Queremos todos os tipos de startups", avisa a gerente do Magazine Luiza, Juliana Silva.

Só a inovação tira o Rio de Janeiro da estagnação econômica

A afirmação é do presidente do TI Rio, Benito Paret. Segundo ele, o Estado do Rio de Janeiro tem de buscar novos caminhos e eles passam pela inovação.

Petrópolis terá sensores IoT para prevenção de enchentes

Iniciativa é um projeto-piloto de cidades inteligentes, em parceria com o BNDES e com a ENEL, e começa a ser implantado no começo de 2020, revela o secretário de Desenvolvimento do município, Marcelo Fiorini. "Política pública não pode ser projeto político. Ela é de longo prazo", observa o executivo.

Startup cria software para detectar interações perigosas entre máquinas e homens

Até então incubada na UFF, no Rio de Janeiro, a Displace desenvolveu um software para proteger o homem na rotina da indústria 4.0. A ideia atraiu a atenção de grandes empresas, entre elas, a Ambev.

Finep tem crédito de R$ 200 milhões para projetos de indústria 4.0

Linha vai apoiar projetos em internet das coisas, big data, computação em nuvem, segurança digital, robótica avançada, manufatura digital e aditiva, inteligência artificial e digitalização.



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G