Clicky

GOVERNO

MCTIC quer modelo privado para o financiamento à inovação

Luís Osvaldo Grossmann ... 02/01/2019 ... Convergência Digital

Ciente do duro trabalho de garantir recursos para ciência, tecnologia, inovações e comunicações, o novo ministro Marcos Pontes defendeu durante sua posse oficial nesta quarta, 2/1, que o setor privado também participe do financiamento a atividades ligadas à inovação.

“Temos bastante produção científica, muita publicação, mas em inovação estamos atrás. Temos a Finep para apoiar as inovações, mas precisamos da participação do setor privado. Mas como trazer o setor privado a participar mais? Através de programas em parceria e são vários modelos interessantes, centros de inovação, parques tecnológicos, incubadoras. Vamos fazer um modelo padrão, estruturante, que possa ser replicado em vários locais no país e adaptado segundo a vocação local”, afirmou Pontes.

Segundo o novo ministro, inovação é um dos três pilares do trabalho, ao lado da pesquisa e do fomento à atividade científica. “Este ministério tem três missões: produzir conhecimento, através de pesquisa, ciência; produzir de riquezas, por isso as tecnologias aplicadas são importantes, novas empresas, novas startups, produtos e serviços de tecnologia; e melhorar a qualidade de vida das pessoas, que envolve parcerias com outros ministérios, por exemplo a tecnologia pode ajudar no saneamento, na segurança, na saúde, assim por diante.”

Para ele, “na parte de pesquisa, que é o segundo pilar, tem o CNPq para apoiar, com problemas de orçamento, mas para apoiar bolsas, e é extremamente importante termos pesquisa básica forte no país”. Nos problemas de recursos, disse, “a gente vai ter que trabalhar ao longo do ano com o Congresso Nacional, com outras possibilidades, para que a gente recomponha esses orçamentos, como foi feito no passado”.

“É importante que a gente tenha um trabalho mais próximo da sociedade e dos políticos, dos congressistas, para que eles percebam a importância estratégica da ciência e tecnologia e nos ajudem a conduzir os trabalhos e termos o orçamento adequado”, defendeu Pontes. Nessa linha, acredita que parte do trabalho é a disseminação e o fomento científico.

“A gente não tem participado muito na formação ou mesmo no incentivo para que os jovens se interessem pelas carreiras de ciência e tecnologia. Então esse é um dos pilares, podermos através de parceria com o Ministério da Educação levar mais ciência e tecnologia para a garotada das escolas, para que a gente comece a ter mais conhecimento sobre a importância e assim motivar novos profissionais.”


Dell: proteção de dados exige pilares na segurança cibernética

“Ataques estão mais sofisticados enquanto as pessoas e as empresas mais expostas. Precisamos de avançar na cultura da segurança cibernética”, observou o diretor da Dell para setor público, Bruno Assaf.

Plano do Ceitec é manter 105 empregados até leilão da estatal em setembro

Em audiências de conciliação no TRT-RS, trabalhadores defenderam a transferência, mas governo ainda resiste à proposta. Estatal em liquidação insistiu na demissão de 33 funcionários, suspensa pela Justiça.

ANPD define listas tríplices para vagas no Conselho Nacional de Proteção de Dados

Dos 122 indicados, Autoridade aprovou 39, de onde sairão os 13 escolhidos pelo presidente Jair Bolsonaro.  Brasscom, Federação Assespro, ConTIC e Feninfra estão entre os selecionados.

LGPD: cidadão vai controlar dados pessoais pelo portal Gov.br

Promessa é secretário de governo digital do Ministério da Economia, Luis Felipe Monteiro. Plataforma permitirá ao cidadão revogar autorizações, ou reclamar à CGU.



  • Copyright © 2005-2021 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G