TELECOM

Justiça de São Paulo manda Claro pagar R$ 500 cada vez que ligar para ex-cliente

Luís Osvaldo Grossmann* ... 01/04/2019 ... Convergência Digital

A 22ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo condenou a Claro a pagar multa de R$ 40 mil a um ex-cliente que chegou a receber 23 ligações por dia com ofertas da operadora. A empresa também foi condenada a pagar R$ 500 cada vez que voltar a ligar para o autor da ação.

A queixa foi inicialmente levada ao Procon da cidade de Franca, em São Paulo. Um processo administrativo foi encerrado com um acordo no qual a empresa se comprometeu com a “abstenção da conduta” e o cliente, que reclamou das muitas ligações desde que cancelou o serviço de telefonia móvel, faria a inscrição no cadastro de bloqueio de ligações de telemarketing administrado pelo Procon estadual.

No entanto, as ligações continuaram. Segundo apresentou à Justiça, a empresa chegou a telefonar 10, 13, 15 e até 23 vezes no mesmo dia. O caso foi então à Justiça. A operadora alegou que “por se tratar de empresa de grande porte, tais ligações são feitas de forma automática, de acordo com cada plano e visando a melhoria em sua prestação de serviço, não agindo assim de má-fé”.

A decisão em primeira instância já determinara a multa de R$ 100 por chamada ao consumidor que reclamou da empresa. No recurso à Câmara de Direito Privado, a penalidade foi aumentada. Pesou a quebra do combinado no Procon de Franca.

Para o relator, Roberto Mac Cracken, a Claro “excedeu-se em suas ofertas de produto, tanto que, segundo demonstra o consumidor, chegou a telefonar mais de vinte vezes num mesmo dia. Sem dúvida o número de ligações mostra-se excessivo, configurando situação que viola o sossego do apelante, mesmo após a empresa requerida assumir o compromisso perante o Procon Municipal de Franca de não mais lhe oferecer produtos e serviços por via de telefonema e mensagens de texto”.

A decisão da 22ª Câmara de Direito Privado do TJSP foi encaminhada à Anatel e ao Procon-SP para que “tomem as providências que entenderem próprias, no que for de sua competência”.

* Com informações do Conjur


Revista do 63º Painel Telebrasil 2019
Veja a revista do 63º Painel Telebrasil 2019 Transformação digital para o novo Brasil. Atualizar o marco regulatório das telecomunicações é urgente para construir um País moderno, próspero e competitivo.
Clique aqui para ver outras edições

Anatel aperta o cerco aos equipamentos piratas de TV por Assinatura

Agência reguladora alerta que os aparelhos sem homologação aumentam o risco de vazamento de materiais tóxicos, choques elétricos e até explosões. No ano passado, mais de 200 mil foram lacrados. 

Vivo coloca IA Aura para atender clientes pelo WhatsApp

Pelo número 11-99915-1515, é possível esclarecer dúvidas sobre planos e promoções, verificar consumo de dados, fazer recargas com bônus e receber 2ª via de conta, entre outras funcionalidades.

5G e Internet das Coisas são prioridades para os países do BRICS

“Foram discussões em quatro áreas, IoT na agricultura, 5G, banda larga e transformação digital”, resumiu o ministro Marcos Pontes.

Silêncio positivo para antenas passa na MP da Liberdade Econômica, mas não como o mercado esperava

Serão os órgãos públicos- os responsáveis pela burocracia excessiva e que restringem a liberação da implantação - os responsáveis por determinar um prazo máximo de resposta. MP da Liberdade Econômica também mexeu em pontos da Lei trabalhista.




  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G