SEGURANÇA

No Brasil, 15% dos PCs corporativos não têm proteção contra malwares

Convergência Digital ... 11/04/2019 ... Convergência Digital

O Brasil tem infecções pendentes em 19,54% dos computadores domésticos e em 14,78% dos computadores corporativos, segundo aponta a versão 2019 do  Relatório Global de Riscos para PC da empresa tcheca de softwares de segurança Avast.

O levantamento também aponta que há 7,26% dos usuários residenciais com risco serem vítimas de uma ameaça avançada. Na comparação com os usuários corporativos, o percentual de computadores de empresas brasileiras que estão sob risco de qualquer tipo de ameaça é de 14,78% e de 3,83% com risco para ameaças avançadas.

Os índices são próximos da média global para o caso dos computadores domésticos (20,09%), mas superiores no caso dos riscos para PCs corporativos, onde os 14,78% do Brasil são significativamente maiores que os 10.87% da média dos 70 países analisados pela Avast.

O estudo traz ainda o percentual de risco de ameaças para PCs por estado no Brasil. Maranhão aparece no topo com 23,94% de PCs residenciais com risco para todas as ameaças. Já Alagoas está na liderança com 9,15% de computadores domésticos sob risco de ameaças avançadas.

Com relação às empresas, à frente está o Estado do Amazonas com 20,73% com risco para qualquer tipo de ameaça em PCs corporativos e o Mato Grosso com 4,9% de chance das empresas encontrarem ameaças avançadas.

O estudo apontou, ainda, que os usuários domésticos do Windows 10 são os mais propensos a encontrar um "ataque avançado", definido como uma nova ameaça, ou seja, ainda não vista antes da mesma ser projetada para burlar tecnologias comuns de proteção de software de segurança.

É significativo uma vez que 40% dos computadores, segundo a análise, rodam o Windows 10. O Windows 7 ainda lidera (43%). Segundo os dados, usuários domésticos de computadores com Windows 7, 8 e 10 têm 20% de chance de encontrar qualquer tipo de ameaça em seus PCs.


NEC - Conteúdo Patrocinado - Convergência Digital
Multibiometria: saiba como ela pode cuidar da sua segurança digital

Plataforma Super Resolution, que integra espaços físicos e digitais, será apresentada pela primeira vez no Brasil no Futurecom 2018. Um dos usuários da solução é o OCBC Bank, de Cingapura. A plataforma permite o reconhecimento instantâneo das pessoas à medida que se aproximem da agência.

Ransomware Sodin ataca vulnerabilidade desconhecida do Windows

Ransomware adota uma técnica chamada de 'Heaven's Gate', que permite um programa mal-intencionado executar código de 64 bits de um processo em execução de 32 bits, o que não é uma prática comum e mais incomum em ransomware, alerta a Kaspersky.

Governo do Rio contrata reconhecimento facial da Oi para o Maracanã

Solução -que permite localizar pessoas e veículos suspeitos e identificar padrões de comportamento e situações de riscos- será usada na partida final da Copa América 2019. Os dados coletados são de domínio do Governo do Rio de Janeiro. Os valores do acerto não foram revelados.

Quase 1000 brasileiros caem por hora em golpe do dinheiro fácil no WhatsApp

Ataque, que circula há sete dias, já atingiu 180 mil pessoas. Elas caem no golpe que promete liberar 13° salário para beneficiários do Bolsa Família.

Guardião Cibernético testa reação a ataques contra redes de telecom

Dois dias de simulações promovidas pelo Comando de Defesa Cibernética na segunda edição do Exercício buscam garantir a integração entre diferentes setores e a maior resiliência das redes em casos de ameaças. Próximo, em 2020, será ampliado com infraestruturas de água e transportes. 



  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G