NEGÓCIOS

Huawei: infraestrutura definida por software é a base da transformação digital nos bancos

Por Roberta Prescott e Carlos Afonso ... 11/06/2019 ... Convergência Digital

O setor financeiro passa por uma transformação digital disruptiva, provocada pelo crescimento de bancos digitais, que ganham popularidade por sua agilidade e aproximação com os millenials.

Acostumados com pagamentos móveis, agências inteligentes, gerenciamento de controle de risco, consultores robóticos e segurança contra possíveis fraudes em tempo real, eles serão responsáveis por fazer com que a transformação digital no setor não seja apenas uma tendência, mas sim algo crucial para a evolução da área financeira.

Durante o CIAB  2019, que ocorre de 11 a 13 de junho, em São Paulo, a Huawei apresentou soluções de seu portfólio focadas em acelerar a transformação digital bancária, tais como conectividade, datacenter, armazenamento ultrarrápido all-flash (permite até 7 milhões de IOPS, tem latência reduzida a 0.5ms e permite desempenho comercial até 3x maior, além da economia de espaço, eletricidade, refrigeração e manutenção), Wi-Fi 6, sistema de comunicação corporativa como um todo, segurança da informação, cloud e solução SD-WAN, responsável por fornecer melhor experiência em interconexão empresarial por meio de direcionamento e aceleração de tráfego inteligentes com base em aplicativo, uma série completa de uCPEs abertos e O&M visualizada baseada em nuvem.

Outras tendências tecnológicas apontadas pela Huawei para o setor financeiro incluem inteligência artificial, machine learning e blockchain. Daniel Gonçalves, gerente de Produto Sênior da Huawei, destacou que elas podem ter grandes vantagens em um futuro próximo, mas que é preciso lembrar que todas essas soluções precisam de uma infraestrutura robusta e cada vez mais eficiente para realmente terem efeito. 

Em entrevista à CDTV, do portal Convergência Digital, Rômulo Horta, diretor de Marketing da Área de Enterprise da Huawei Brasil, reforçou que a indústria financeira aposta na digitalização para acelerar os negócios. "A Huawei vem apoiando a infraestrutura para suportar a transformação digital, passando pela parte de armazenamento, infraestrutura de rede, todos os âmbitos de comunicação e dados", disse. Falando sobre SD-WAN (rede definida por software), Horta explicou que a tecnologia surgiu com a virtualização de rede e aporta inteligência na conexão à internet, contribuindo para a redução de custos. Assistam à entrevista.


Cloud Computing
Embraer cria sistema de big data e analytics com AWS e Claranet

Companhia criou o IKON, sistema para captação, armazenamento e análise de alto volume de dados para manutenção preditiva de aeronaves da família E-Jets. Com o novo produto, a coleta automática de dados passou de 12 dias para um processo imediato, garantindo que os dados estejam prontos para serem analisados ​​5 minutos após sua geração na aeronave.

Avanço dos hackers vai fazer brasileiro comprar mais seguros

O brasileiro faz seguro de bens materiais, mas está começando a entender que é preciso também proteger seus dados devido ao avanço dos crimes cibernéticos, observa o diretor da Capgemini Marcio Gropillo. Seguradoras correm contra o tempo para se adaptarem às novas demandas.

Facebook une 27 empresas, lança moeda virtual Libra e invade espaço dos bancos

Rede social pretende lançar a moeda no primeiro semestre de 2020. Microsoft, Uber e Vodafone estão na iniciativa.

Pegasystems chega ao Brasil para brigar pelo mercado de CRM e IA

Norte-americana, que atuava por meio de parceiros, abriu operação local e tem como objetivo rivalizar com Salesforce, IBM e Oracle. Empresa também quer atuar com prestadores de serviços de TI.

BRQ: desafio é pensar o negócio de forma diferente para entender a dor do cliente

O CEO e fundador da prestadora de serviços de TI, Benjamin Quadros, diz que a maneira de fazer software mudou muito nos últimos 20 anos e segue mudando por conta da disrupção digital. Mas adverte para a falta de bons profissionais.


3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018 - Cobertura Especial Convergência Digital
Brasscom lança manifesto para construir um Brasil Digital e Conectado

Entidade quer a colaboração da sociedade e de entidades de TI ou não para entregar um documento aos presidenciáveis. "Tecnologia precisa ser prioridade nacional", diz o presidente-executivo da Brasscom, Sergio Paulo Gallindo.


Veja a cobertura da 3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018

  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G