Home - Convergência Digital

Grupo XP lança programa de estágio para PCDs

Convergência Digital - Carreira
Convergência Digital - 13/06/2019

A primeira edição do Programa de Estágio para Pessoas com Deficiência do Grupo XP está com as inscrições abertas. Até o dia 16 de junho, candidatos de todo o país podem acessar o sistema para cadastramento no processo seletivo. São 10 vagas para a áreas de suporte, comercial, administrativo e tecnologia.

Para participar do Programa, é preciso estar matriculado em curso técnico, com duração de dois a três anos, ou no Ensino Superior, nos cursos de Administração, Economia, Engenharia, Relações Internacionais, Direito e Tecnologia da Informação. O candidato deve ter disponibilidade para trabalhar na cidade de São Paulo. As etapas do processo contemplam entrevista por telefone e presencial. A agenda completa pode ser conferida aqui.

"Trabalhar no Grupo XP é ter a oportunidade de fazer carreira em uma empresa com atuação global, inovadora e responsável por quebrar paradigmas no mercado financeiro. Isso se estende a todos os profissionais. Acreditamos que pessoas com deficiência merecem as mesmas oportunidades de carreira que qualquer outro profissional, por isso criamos um Programa de Estágio, que foca em desenvolvê-las desde o início", destaca Lucas Aguiar, Head de Produtos de RH no Grupo XP.

As oportunidades e suporte às carreiras das pessoas com deficiência são as mesmas dos demais profissionais, incluindo o acompanhamento dos estagiários pelo departamento de Recursos Humanos, mentoria dos Gestores do Grupo e encontros com especialistas do negócio.

"Outro diferencial importante é que o Programa abre a oportunidade de os estagiários atuarem em qualquer área da empresa. Por exemplo: em tecnologia, tanto em desenvolvimento como em infraestrutura; no comercial, focado no relacionamento com os clientes; nas áreas administrativas, atuando na organização e otimização dos processos; em operações, contribuindo para melhorar a eficiência da empresa", complementa.

O Programa de Estágio oferece remuneração e benefícios competitivos, além de inserir o profissional em um ambiente desafiador e cultura meritocrática. Tem duração de um ano, com início no dia 1° de agosto. Ao final, há possibilidade de efetivação. Mais informações sobre o processo estão disponíveis no site: https://jobs.kenoby.com/estagiopcdxp. Além do programa, todas as vagas da empresa podem ser ocupadas por PCDs.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

Veja mais artigos
Veja mais artigos

O futuro do trabalho colocado à prova

Por Luiz Camargo*

Novas profissões exigem também novas habilidades para acompanhar a revolução digital. Os novos empregos certamente irão demandar habilidades analíticas, matemáticas e digitais, com um toque de neurociência.

Destaques
Destaques

Falta de mão de obra qualificada espanta investidores no Brasil

Mais de 50% dos jovens brasileiros podem ficar fora do mercado de trabalho por falta de qualificação e de habilidades digitais. A advertência foi feita por especialistas que debateram sobre educação e capacitação digital no Painel Telebrasil 2019.

Assespro é contra a regulamentação da profissão de TICs

Entidade das empresas de TI se posiciona contrária ao PLS 317/17. que passa a exigir diploma de profissões como Analista de Sistemas, desenvolvedor, engenheiro de sistemas, analistas de redes, administrador de banco de ados, suporte e profissões correlatas.

Mais de meio milhão de brasileiros trabalham com TICs

Raio-X do mercado de trabalho nos últimos 10 anos, feito pela Softex, mostra que o salário médio de R$ 6 mil.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site