Convergência Digital - Home

SAP Brasil: Nuvem descomplica ERP para a transformação digital

Convergência Digital
Ana Paula Lobo - 15/07/2019

A implantação de um pacote de gestão empresarial está muito mais rápida e aberta para todo tipo de empresa, observa a presidente da SAP Brasil, Cristina Palmaka. Um exemplo é a LABI exames, uma startup que está abrindo rede de exames para as classes de menor poder aquisitivo. Palmaka observa ainda: sem boas pessoas, a tecnologia, em sim, não resolve nada.

O Brasil avançou muito nos últimos dois anos na transformação digital, afirma a presidente da SAP Brasil, Cristina Palmaka. Em entrevista ao Convergência Digital, a executiva assegura que a gestão empresarial tem um papel essencial na jornada digital, mas depende de pessoas para funcionar bem. "A transformação digital não acontece sem as pessoas. São as pessoas que lideram as companhias, são elas que habilitam a tecnologia. No nosso caso, já provamos que o ERP está descomplicado, está sendo instalado de forma muito mais rápida", salienta Cristina Palmaka.

A Labi Exames é um bom exemplo da mudança da gestão empresarial. Com 100% das operações na nuvem, a startup- criada há três anos- está usando ERP da SAP para gerenciar seus processos. A companhia, conta o cofundador, Marcelo Barbosa, já chegou a 30 mil exames/mês, com um exame de sangue completo custando R$ 10,00, enquanto nos laboratórios tradicionais esse custo chega a R$ 70.00.

"A tecnologia tem papel crucial para podermos gerir os dados e chegar ao custo de R$ 10,00 e termos lucro", observou Marcelo Barbosa, lembrando que 47 milhões de brasileiros e mais de 140 milhões de brasileiros não têm acesso a serviços com preço e qualidade. Quem também usa o ERP na nuvem da SAP é a Companhia Tradicional de Comércio, dona dos restaurantes Pirajá, Astor, Braz e Lanchonete da Cidade. "Criamos minifábricas em cada loja para termos um estoque ajustado. Isso só foi possível porque usamos a tecnologia", conta o diretor de Tecnologia e Suprimentos, Patrício Arriagada.

Em entrevista ao Convergência Digital, a presidente da SAP Brasil, Cristina Palmaka, diz que são clientes como a Labi Exames e a CIA Tradicional de Comércio que provam a simplificação do ERP e a necessidade da gestão empresarial, conforme o seu escopo de atuação de negócios. "Felizmente muitas empresas já perceberam que a tecnologia não é só uma área, mas é estratégica para o negócio. Mas ainda há um largo caminho para ser percorrido". Assistam a entrevista com Cristina Palmaka, presidente da SAP Brasil.


LEIA TAMBÉM:
Destaques
Destaques

IDC: mercado de nuvem pública vai chegar a R$ 15 bilhões em 2020

Mercado de TI brasileiro vai crescer 5,8% impulsioando pelos negócios de clóud computing e pela aceleração do mercado de software. Nuvem privada tem a preferência das grandes empresas e fica com até 25% do orçamento destinado à TI.

BRK Ambiental, CTG Brasil e Via Varejo aderem à nuvem na jornada digital

Empresas implementaram a plataforma SAP S/4HANA para sustentar a estrastégia digital. Os negócios de cloud tiveram forte impacto na receita da SAP Brasil.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Desafios às empresas: Contêineres, Orquestração e Microsserviços

Por Lenildo Morais*

Com o padrão “multi-edge edge computing”, o tráfego e os serviços de TI mudam de uma nuvem centralizada para micro-nuvens espalhadas o mais próximo possível dos usuários. As operadoras terão que oferecer serviços sob demanda, e mesmo em tempo real, para atender a todos os tipos de aplicativos.

Você já pensou no impacto que os seus dados geram no planeta?

Por Gustavo Loiola*

Hoje, são milhares de data centers espalhados pelo Planeta. É engraçado pensar nisso quando hoje falamos da tal da “nuvem" que armazena os nossos dados. Tiramos uma foto? Vai para a nuvem. Postamos no Instagram? Vai para a nuvem. Netflix, Spotify, Deezer? O streaming também está na nuvem.


Copyright © 2005-2016 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site