NEGÓCIOS

Insegurança jurídica afasta investidor de software no Brasil

Da redação ... 16/10/2019 ... Convergência Digital

Insegurança jurídica é de longe o maior problema enfrentado pelo setor de software e serviços de TI no Brasil para a atração de investimentos, lamenta o presidente do Conselho da Associação Brasileira das Empresas de Software (ABES), Jorge Sukarie.

Em entrevista à CDTV, do portal Convergência Digital, durante o ABES Conference, realizado no dia 14/10, em São Paulo, Sukarie disse que uma medida imediata em prol do software seria o Supremo Tribunal Federal se posicionar sobre três ADINs e um recurso extraordinário.

"Com a decisão do STF, o legado não ficaria sem solução e se poderia olhar o futuro, uma vez que o ambiente, hoje, é inóspito para os investimentos", diz Sukarie. Sobre a Reforma Tributária, em discussão, a ABES se posiciona de forma contrária à elevação de tributos proposta para o setor de serviços, onde software e serviços de TI estão inclusos.

"Hoje as empresas pagam entre 6,95% e 15%, dependendo da modalidade de atuação. Na proposta existente, o incremento poderia chegar a 30%, que teria de ser repassado ao consumidor e afetaria a cadeia produtiva. No caso da bitributação do ISS e ICMS, a unificação parece ser uma solução para o futuro, mas não pode ter aumento de impostos. Serviços não usam créditos de tributos", afirma Jorge Sukarie. Assistam a entrevista com o presidente do Conselho da ABES.


Meios de pagamento: CADE amplia investigação para Itaú e Rede

Autarquia adotou medida preventiva para evitar prejuízos à concorrência decorrentes de possível venda casada em campanha oferecida pela Rede. Mercado está em ebulição e há disputas judiciais em curso.

Tecnologia da informação evita tombo maior do setor de serviços

Segundo o IBGE, apesar do desempenho ruim das telecomunicações, os serviços de TI exercem a principal contribuição positiva dos serviços no acumulado até agosto de 2019. 

Rio de Janeiro precisa deixar de exportar CPF e CNPJ

"O Rio é protagonista de geração de inteligência e, hoje, temos de nos desafiar para reter nossos talentos", afirma o coordenador do Rio Info 2019, Alberto Blois. A diversidade foi a 'cara' do evento em 2019.

Brasil fica estagnado na 57ª posição no ranking global de Competitividade Digital

Estudo desenvolvido em parceria do IMD com a Fundação Dom Cabral, e feito com análise de 63 países, apura uma perda de confiança no país, em sua capacidade para financiar e apoiar a inovação e adoção de tecnologias digitais.


3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018 - Cobertura Especial Convergência Digital
Brasscom lança manifesto para construir um Brasil Digital e Conectado

Entidade quer a colaboração da sociedade e de entidades de TI ou não para entregar um documento aos presidenciáveis. "Tecnologia precisa ser prioridade nacional", diz o presidente-executivo da Brasscom, Sergio Paulo Gallindo.


Veja a cobertura da 3º Seminário Brasscom de Políticas Públicas & Negócios 2018

  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G