Home - Convergência Digital

B2W transforma estagiários em desenvolvedores em seis meses

Convergência Digital - 13/01/2020

A B2W Digital - líder no e-commerce na América Latina e detentora das marcas Americanas.com, Submarino, Shoptime e Sou Barato - abre as inscrições para o Programa de Estágio B2W Tech 2020. Com 20 vagas para atuação no Rio de Janeiro e em São Paulo, a companhia irá formar os estudantes durante seis meses para que se tornem desenvolvedores de software ao final do programa.

Os estagiários passarão por uma imersão nas áreas de tecnologia da B2W, que possui diversas iniciativas, como, por exemplo, o Marvin, sua plataforma open source de Inteligência Artificial e Machine Learning (https://marvin.apache.org/). Durante o primeiro mês, os estudantes terão aulas ministradas por engenheiros da companhia, nas quais aprofundarão conteúdos estudados na universidade, como técnicas, ferramentas, plataformas, linguagens e frameworks. Após o período de aulas, eles farão job rotation nos times de tecnologia e, com o apoio de um mentor, desenvolverão um projeto em uma das frentes tech da companhia.

"Respiramos inovação e investimos cada vez mais em tecnologia, que é essencial para o nosso negócio. Queremos identificar talentos e desenvolvê-los de forma acelerada dentro da companhia. É uma oportunidade única para os estudantes colocarem seus conhecimentos em prática e poderem ver de perto os resultados do seu trabalho", conta José Ronaldo Pizani, diretor executivo de Gente & Gestão da B2W Digital.

Com previsão de início para março de 2020, o estágio possui carga horária de 30 horas semanais. Os estudantes serão acompanhados de perto por gestores, que darão feedbacks constantes sobre a evolução no programa. Os estagiários contarão com bolsa-auxílio compatível com o mercado, além de benefícios como vale-refeição, vale-transporte e seguro de vida.

Podem concorrer a uma vaga estudantes que estejam cursando a partir do 3º período dos cursos de Ciência ou Engenharia da Computação, Informática ou áreas afins.  Os candidatos terão seus currículos avaliados e farão provas online de português, inglês, lógica e computação, além de entrevistas presenciais com o time de gente e gestão e os gestores de tecnologia. Buscando um ambiente ainda mais diverso, a B2W também estende ao estágio as iniciativas que vem desenvolvendo para dar mais espaço às mulheres na tecnologia: a companhia quer duplicar o número de mulheres entre os estagiários aprovados este ano, chegando a 50%.

As inscrições para o Programa de Estágio B2W Tech 2020 vão até o dia 24 de janeiro e podem ser feitas pelo site https://estagiotech.b2w.io/.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

01/12/2020
Procon-SP registra aumento de 30% nas reclamações sobre Black Friday

18/11/2020
Procon-SP vai notificar Facebook, Instagram, Whatsapp e YouTube por vendas online

12/11/2020
Com disparada das vendas online, Mercado Livre também amplia estrutura no Brasil

12/11/2020
Vendas pela internet estão 97% acima de 2019

10/11/2020
Europa indica que Amazon abusa de posição dominante e acesso a dados não públicos de vendas

09/11/2020
Amazon anuncia mais três centros de distribuição no Brasil, país que mais cresce em programa de fidelidade

28/10/2020
Reclamações contra vendas pela internet disparam 208%

13/10/2020
Brasil é país com maior crescimento de compras online de produtos domésticos

28/09/2020
PMEs que passaram a vender pela internet tiveram alta de 118% no faturamento

21/09/2020
Sebrae e Magazine Luiza planejam treinar 100 mil PMEs para vendas online

Veja mais artigos
Veja mais artigos

A confiança é ganha com mil atos e perdida com apenas um

Por Luis Banhara*

À medida que o conceito de trabalho se descola dos escritórios, mesmo que parcialmente, surgem novos desafios de segurança. A superfície de ataque foi ampliada.

Destaques
Destaques

Na liderança, curiosidade insana e coragem impactam mais que a competência

Vice-presidente para setor público na AWS, Teresa Carlson, e Indra Nooyi, membro do board da Amazon e ex-CEO e chairman da PepsiCo, admitiram que a Covid-19 tem provocado crises existenciais em muitas pessoas e que, há, sim, um forte e um injusto desequilíbrio para as mulheres.

Média salarial de profissional de TI no Brasil ficou em R$ 4.849,00

Pesquisa nacional, realizada pela Assespro-Paraná e pela UFPR, mostra a desigualdade econômica do país. No Nordeste, em Sergipe, a média salarial é de apenas R$ 1.943.00. Em São Paulo, essa média sobe para R$ 6.061,00. Outro ponto preocupante: a diferença salarial entre homens e mulheres segue acima de dois dígitos.

Certificação é critério de seleção para encarregado de dados

Ainda que a LGPD não exija qualificação específica, o mercado busca profissionais com conhecimento na área. Formação pode custar até R$ 6 mil, observou Mariana Blanes, advogada e sócia do Martinelli Advogados, ao participar do CD em Pauta.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Copyright © 2005-2015 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site