INTERNET

WhatsApp suspende 5 mil contas/mês no Brasil

Ana Paula Lobo ... 11/02/2020 ... Convergência Digital

A criptografia é a tecnologia mais forte para garantir a segurança das pessoas e continuará sendo essencial no WhatsApp, afirmou o diretor de Políticas Públicas para aplicativos de mensagens do Facebook na América Latina, Pablo Bello, ao participar de debate para marcar o Dia mundial da Internet Segura, comemorado neste 11 de fevereiro.

O executivo revelou que 5 mil contas de WhatsApp são suspensas mensalmente no Brasil com o uso de técnicas como Inteligência Artificial. "As tecnologia permitem chegar às mensagens que não são criptografadas para fazer essa identificação de conteúdo considerado nocivo e com a necessidade da suspensão da conta", explicou.

Pablo Bello aproveitou o evento, transmitido pelo You Tube, para reiterar: as mensagens do WhatsApp não são armazenadas em servidores do Facebook, mas, sim, nos dispositivos dos usuários e o Facebook não tem qualquer acesso para garantir a privacidade. Disse ainda que não há nenhuma intenção de deixar de usar a criptografia forte. A citação é relevante, uma vez que o ministro da Justiça, Sérgio Moro, defendeu no Supremo Tribunal Federal, que a Justiça tem o direito de pedir acesso as mensagens de usuários como forma de combate ao crime.

"O WhatsApp não é uma rede social. Ele é uma plataforma de comunicação privada. Ela foi criada na Ucrânia para assegurar o direito do cidadão se comunicar. Ela é voltada para países onde a democracia não está consolidada. A punição do uso indevido da plataforma está sendo perseguida pelas equipes técnicas, mas temos de garantir a privacidade".

O diretor do WhatsApp citou números para comprovar as ações de restrição ao uso indevido da plataforma. Segundo ele, apenas 7% das mensagens correspondem a reenvio no Brasil. As 93% restantes são comunicações tradicionais. A redução de 20 para cinco mensagens para reenvio determinou uma queda de até 30% nas mensagens reenvidas no Brasil. Os grupos de WhatsApp onde há a disseminação das Fake News têm, em média, no Brasil, a participação de sete pessoas. "O fato é que mais de 80% das mensagens trafegadas no WhatsApp são uma alma. Elas têm uma pessoa por trás", reforçou.

Pablo Bello participou de debate, promovido pelo CGI.br, para promover o Dia Mundial da Internet Segura no Brasil, que acontece neste 11 de fevereiro. A data é comemorada em mais de 140 países e tem o intuito de envolver pessoas e diferentes setores em ações de conscientização, orientação, prevenção, autocuidado e promoção do uso seguro e da cidadania on-line.


Demonizar a Internet não resolve a falta de educação

O Brasil precisa de mais diálogo e educação na Internet e entender que a rede é um meio. "A falta de civilidade digital é um retrato da nossa sociedade", afirma Caio Almeida, da Safernet.

Internet no Brasil está longe de ser um ambiente saudável

"Está faltando senso crítico ao internauta", adverte o ciberevangelista Anchises Morais. Ele adverte que os cibercrimosos avançam sobre o medo do Coronavírus.

No Brasil, ainda há quem pense que a Internet é uma terra sem lei

A afirmação é da advogada especializada em direito digital, Cristina Sleiman. Segundo ela, qualquer ato na Internet tem uma consequência e é passível de punição.

TJSC condena Facebook a indenizar em R$ 5 mil por postagens ofensivas

“Empresa tinha o dever legal de exibir as informações de IP e log de acessos solicitadas”, diz a decisão. 

Coronavírus: Teles e ISPs dos EUA vão manter acesso por 60 dias para inadimplentes

Ação acontece após um acerto com a FCC, a Anatel norte-americana. Várias empresas aderiram ao movimento, entre elas, Comcast, AT&T, Verizon, Google Fiber, Sprint e outras.

Revista Abranet 29 . dez/nov 2019 - jan 2020
Veja a Revista Abranet nº 29 Abranet teve uma atuação intensa em 2019, encaminhando contribuições públicas para consolidar uma internet produtiva, livre e inovadora. Futurenet: entidade discute tendências de mercado e tecnologia. Veja a revista.
Clique aqui para ver outras edições

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet - Abranet

Empresas da Internet pedem mais segurança jurídica

“O Marco Civil da Internet trouxe base sólida para criar parâmetros para se ter lei mínima para a Internet seguir avançando, mas, infelizmente, vemos varias iniciativas tentando modifica-lo", afirmou o presidente da Abranet, Eduardo Parajo.

Acompanhe a Cobertura Especial do II Congresso Brasileiro de Internet

  • Copyright © 2005-2019 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G