Clicky

INTERNET

Europa pressiona G20 por imposto sobre internet

Convergência Digital* ... 14/02/2020 ... Convergência Digital

A Europa quer que os integrantes das principais economias do mundo tornem como prioridade neste ano um acordo global para taxação de gigantes da internet, como Google, Amazon e Facebook, segundo documento do bloco. 

Ministros de Finanças e presidentes de bancos centrais do G20 se reunirão em 22 e 23 de fevereiro em Riad para discutir, entre outras questões, o trabalho da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) sobre regras tributárias. 

“Precisamos dar a mais alta prioridade para encontrarmos soluções globais para taxação da economia digital” afirma documento que ressalta a posição de todos os membros da UE, mais o Reino Unido, que deixou a UE no mês passado. 

Políticos europeus, que buscam recursos para combater mudanças climáticas e diminuir diferenças de renda entre os 27 países do bloco, estão irritados com o fato de que uma companhia como o Google, que tem lucro anual de mais de US$ 160 bilhões, tenha uma carga tributária efetiva de um dígito sobre o resultado fora dos Estados Unidos. 

A OCDE quer alcançar um acordo sobre os detalhes da tarifa digital até o início de julho e quer um acordo completo em vigor até o final deste ano, como forma de evitar uma escalada nas tensões sobre o assunto. A UE tem afirmado que se não houver um acordo no G20, os 27 países do bloco vão criar um sistema próprio de tarifação do setor. 

* Da Reuters


Canadá não quer esperar acordo global e vai cobrar imposto da internet em 2022

Em anúncio ao Parlamento, Departamento das Finanças do país indicou que novo tributo entra em vigor em janeiro de 2022 e pode arrecadar o equivalente a R$ 14 bilhões em cinco anos. 

Proliferação de serviços streaming faz crescer o “consumidor bumerangue”

Segundo a Kantar Ibope Media, no lugar de assinar simultaneamente as várias opções, se torna mais comum a troca constante de serviços. 

TSE desmente notícias e descarta cobrança de multa por justificativa no e-Título

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) esclarece que não procede a informação de que o órgão estaria cobrando indevidamente multa dos eleitores que fizeram sua justificativa via aplicativo e-Título, no último dia 15 de novembro, data do primeiro turno.

Facebook exclui 140 mil postagens com desinformação sobre eleições

Publicações desestimulavam voto ou continham informações erradas. Rede social também informa que rejeitou 250 mil anúncios que não deixavam claro se tratarem de propaganda política. 

WhatsApp bane mais de mil contas após denúncias recebidas em canal do TSE

Plataforma conjunta com o TSE recebeu 4759 denúncias de 27 de setembro a 15 de novembro.



  • Copyright © 2005-2020 Convergência Digital
  • O Portal Convergência Digital é um produto da editora APM LOBO COMUNICAÇÃO EDITORIAL LTDA - CNPJ: 07372418/0001-79
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G