Clicky

Home - Convergência Digital

App do Itaú tem instabilidade e banco suspende Giro Pronampe

Ana Paula Lobo - 10/07/2020

Foi uma sexta-feira, 10, com jeito de sexta-feira, 13, para os correntistas empresariais do banco Itáu. A instituição financeira foi a primeira privada a lançar o Giro Pronampe, com linha de crédito do Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte, criada pelo governo como frente de combate ao impacto da Covid-19.

Boa parte dos clientes do Itaú não conseguiu acessar o Giro Pronampe, disponibilizado apenas no celular, sob a argumentação que só no aplicativo móvel seria possível criar autenticações que permitem mais segurança e a não necessidade de o cliente ir à agência para fechar o contrato. Oficialmente, porém, o banco diz que o serviço foi lançado ontem, dia 10, e que já desembolsou 70% do volume disponível de R$ 3 bilhões para atender 17 mil micro e pequenas empresas.

Mas, o Convergência Digital, cliente do Itaú Empresas, foi comunicado pela sua agência, que o serviço estaria disponível nesta sexta-feira, às 7 da manhã. Desde então, a equipe financeira tentou acessar o Giro Pronampe sem sucesso. Ao buscar a assessoria do Itaú, na parte da manhã, o Convergência Digital foi informado que estava ocorrendo um erro sistêmico. O gerente da agência do Convergência Digital também admitiu instabilidade provocada pela 'alta demanda'. Mas foram centenas de tentativas, sem sucesso.

No começo da tarde, o Itaú, informou a suspensão do atendimento em razão da necessidade de ajustes técnicos na conexão entre o Itaú e o Banco do Brasil, administrador da linha de crédito no governo federal. Instituição quer retomar o serviço na segunda-feira de manhã e a expectativa é de mais um dia de grande demanda. “Pelo ritmo que vimos nessas primeiras 24 horas, os recursos devem se esgotar antes mesmo do meio-dia de segunda-feira”, afirma Carlos Vanzo, diretor executivo comercial do Banco de Varejo do Itaú Unibanco.

O Convergência Digital procurou o Banco Central para saber se é legal oferecer um serviço apenas por um canal de serviço. Em resposta, a Autoridade Monetária diz que não há nenhuma obrigação de as instituições oferecerem a linha Pronampe. Tampouco, se o fizerem, há uma fiscalização da forma como eles vão operar. Segue a íntegra da resposta enviada pela Autoridade Monetária.

O Banco Central, nos termos dos arts. 8º e 9º da Lei 13.999/20, verifica o cumprimento apenas das condições estabelecidas na referida lei. No caso, não há comando legal para que os bancos ofertem obrigatoriamente as operações do Pronampe e nem a forma pela qual devem fazê-lo, caso decidam operar. No entanto, registramos que bancos particulares e cooperativas estão interessados em operar o produto. CAPÍTULO V DA REGULAÇÃO E DA SUPERVISÃO DAS OPERAÇÕES DE CRÉDITO REALIZADAS NO ÂMBITO DO PRONAMPE Art. 8º Compete ao Banco Central do Brasil fiscalizar o cumprimento, pelas instituições participantes do Pronampe, das condições estabelecidas para as operações de crédito realizadas no âmbito do Programa. Art. 9º O Conselho Monetário Nacional e o Banco Central do Brasil, no âmbito de suas competências, poderão disciplinar os aspectos necessários para operacionalizar e fiscalizar as instituições participantes do Pronampe quanto ao disposto nesta Lei, observados os preceitos da Lei nº 13.506, de 13 de novembro de 2017.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

10/05/2021
Brasileiros são os que mais aceitam rastreamento na atualização do iPhone

07/05/2021
Caixa vai sortear R$ 250 mil para quem usar aplicativo móvel em compras online

05/05/2021
Justiça do Trabalho mantém ordem de perícia em algoritmo do Uber

23/04/2021
Cinco anos depois, app de taxi Cabify dá adeus ao mercado brasileiro

16/04/2021
O mundo é móvel, mas 75% dos testes de aplicações ainda são feitos manualmente

15/04/2021
Neoenergia testa monitoramento de consumo em tempo real

18/03/2021
Recarga de pré-pago é o serviço mais procurado do Super App da Sicoob

17/03/2021
C6 Bank ensina jovens a criar aplicativos

17/03/2021
Mais da metade dos apps instalados em 2020 foi desinstalado em 30 dias

16/03/2021
Uber abre 40 vagas para engenheiros no Centro de Tecnologia no Brasil

Destaques
Destaques

América Latina se divide sobre uso de ondas milimétricas

Debate com representantes do México, Colômbia, Costa Rica, El Salvador, Argentina e Brasil mostrou que bandas altas no 5G, como 26 GHz, está longe de unanimidade na região.  Colômbia, que prevê leilão 5G no final do ano, não planeja vender a faixa de 26GHz.

Brasil está fora dos países liberados pela Espanha para o Mobile World Congress

Programado para acontecer de 28 de junho a 01 de julho, o organizador, GSMA, fechou um acerto com as autoridades espanholas para isentar os participantes das restrições impostas às pessoas de fora da União Europeia.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Futuro com 5G não será um nirvana, tampouco um apocalipse

Por Paulo Mannheimer*

O futuro, com 5G, não será nem o Nirvana dos Jetsons nem o apocalipse de "O Exterminador do Futuro". "Blade Runner" continua sendo minha maior aposta.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site