Home - Convergência Digital

Reino Unido define futuro da Huawei no 5G

Convergência Digital* - 13/07/2020

O destino da Huawei no projeto 5G do Reino Unido será definido nesta terça-feira, 14 de julho, em reunião do Conselho de Segurança Nacional, presidido pelo primeiro-ministro, Boris Johnson. Em decisão tomada em janeiro, as operadoras de telefonia já tinham que limitar o papel da Huawei nas redes 5G em 35% até 2023.

Agora está sendo discutido o corte total da empresa após um período adicional de dois a quatro anos, embora algumas empresas do setor tenham avisado que ir rápido demais pode atrasar a tecnologia e prejudicar seus serviços.

Os rumores são grandes e informam que Johnson - que não se sabe se participará ou não da reunião - estaria disposto a banir a Huawei, decisão que vai irritar a China, mas vai ganhar o apoio do presidente Donald Trump, dos Estados Unidos.

Os Estados Unidos pressionaram o primeiro-ministro do Reino Unido a reverter sua decisão de janeiro de conceder à Huawei um papel limitado nas redes 5G, enquanto Londres ficava apreensiva com a repressão chinesa em Hong Kong, além da percepção de que a China não divulgou todos os fatos sobre o coronavírus. Decisão deverá ser conhecida no final do dia e será reportada à Câmara dos Comuns pelo secretário de mídia, Oliver Downden.


Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

25/09/2020
OpenRAN aberta: o xeque-mate do xadrez geopolítico do 5G

24/09/2020
Com 114 redes ativadas, 5G já tem 138 milhões de acessos no mundo

22/09/2020
Economia prefere, mas não garante, leilão 5G não arrecadatório

22/09/2020
Para TIM, 5G não comporta neutralidade de rede

22/09/2020
Anatel: Crise afetou condições e preço do edital do 5G

22/09/2020
Vitor Menezes, Minicom: Vamos brigar por um leilão 5G não arrecadatório

21/09/2020
Comissão Europeia pede ações urgentes para ter 5G o quanto antes

17/09/2020
Telcomp vai ao STF contra leis que impedem antenas a 50 metros de residências em São Paulo

16/09/2020
Vale vai investir em laboratório 5G

15/09/2020
5G vai atrasar se teles tiverem que pagar limpeza da Banda C

Destaques
Destaques

Vitor Menezes, Minicom: Vamos brigar por um leilão 5G não arrecadatório

O Ministério das Comunicações sinalizou às operadoras que trabalha para convencer os colegas de Esplanada a concentrar os valores envolvidos no leilão do 5G em compromissos de cobertura, minimizando o preço a ser pago ao Estado, afirmou o secretário de Telecomunicações, Vitor Menezes, ao participar do Painel Telebrasil 2020.

Claro: Sem antenas, São Paulo fica fora do 5G

CEO da Claro, Paulo Cesar Teixeira, criticou a miopia de executivos que ainda insistem em colocar restrições à implantação de antenas, como acontece na cidade de São Paulo. "5G é a grande plataforma para permitir um salto econômico mais vigoroso", advertiu.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Internet 5G traz disrupção para Telecomunicações até no modelo de negócio

Por Eduardo Grizendi*

Na RNP, estabelecemos um objetivo estratégico ambicioso – o de prover uma ciberinfraestrutura, segura, de alto desempenho e disponibilidade e, ao mesmo tempo, ubíqua, onipresente, em qualquer lugar e a qualquer hora, para nossas comunidades de educação, pesquisa e inovação.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site