Clicky

Home - Convergência Digital

Ainda sem chancela de Trump à Oracle, EUA banem TikTok e WeChat no domingo

Convergência Digital* - 18/09/2020

O Departamento de Comércio dos Estados Unidos disse que emitirá uma ordem nesta sexta-feira, 18/9, que impedirá as pessoas no país de baixarem o aplicativo de mensagens chinês WeChat e o TikTok a partir de 20 de setembro.

Autoridades do departamento disseram que a proibição de novos downloads do TikTok nos EUA ainda pode ser revogada pelo presidente Donald Trump antes de entrar em vigor na noite de domingo, enquanto a proprietária do TikTok, ByteDance, corre para fechar um acordo sobre o destino de suas operações nos EUA.

A ByteDance tem conversado com a Oracle e outros interessados para criar uma nova empresa, a TikTok Global, que visa atender a preocupações dos Estados Unidos sobre a segurança dos dados de seus usuários. A ByteDance ainda precisa da aprovação de Trump para evitar uma proibição dos EUA. 

Autoridades do departamento disseram que não vão barrar transações técnicas adicionais do TikTok até 12 de novembro, o que dá à empresa mais tempo para chegar a um acordo para suas operações nos EUA. “O TikTok permanecerá intacto até 12 de novembro”, disse o secretário de Comércio Wilbur Ross à Fox Business.

O departamento disse que as medidas “protegerão os usuários nos Estados Unidos, eliminando o acesso a esses aplicativos e reduzindo significativamente sua funcionalidade”.

A ordem irá remover os dois aplicativos da App Store da Apple AAPL.O e da Google Play Store da Alphabet GOOGL.O nos Estados Unidos e proibirá outros de oferecer os aplicativos em qualquer plataforma "que possa ser acessada dentro dos EUA", disse uma autoridade do Departamento de Comércio à Reuters.

O pedido não impedirá transações com outros negócios com a Tencent 0700.HK, proprietária do WeChat, incluindo suas operações de jogos online, e não proibirá a Apple, Google ou outras plataformas de oferecer o TikTok e o WeChat fora dos Estados Unidos.

Ross disse em declaração por escrito “nós tomamos medidas significativas para combater a coleta maliciosa de dados pessoais de cidadãos norte-americanos pela China, enquanto promovemos nossos valores nacionais, as normas baseadas em regras democráticas e a aplicação agressiva das leis e regulamentos dos EUA”.

* Com informações da Reuters

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

01/12/2020
Canadá não quer esperar acordo global e vai cobrar imposto da internet em 2022

26/11/2020
Proliferação de serviços streaming faz crescer o “consumidor bumerangue”

26/11/2020
Senado volta a pedir penas mais duras aos crimes cometidos pela Internet

23/11/2020
Gov.br, plataforma base das assinaturas digitais, chega a 84 milhões de cadastros

19/11/2020
Tribunal de Contas Europeu admite falhas nas ações antitruste contra gigantes da internet

12/11/2020
Fraude pela internet a partir do exterior é competência da Justiça Estadual

12/11/2020
STJ: Rede social não pode ser multada por não fornecer dados que não existem

21/10/2020
NIC.br divulga série de animações que incentivam uso seguro da internet

15/10/2020
França e Holanda pressionam Europa por agência reguladora para Google e Facebook

13/10/2020
No Rio,teles estão obrigadas a informar redução de velocidade em tempo real

Destaques
Destaques

Qualcomm e Nokia: Ondas milimétricas são a mudança do modelo de negócio no 5G

Ondas milimétricas não apenas uma banda a mais para o 5G, mas são a base das novas aplicações com baixíssima latência, diz Francisco Soares, da Qualcomm. Wilson Cardoso, da Nokia, adverte que, até 2025, serão instaladas 200 mil ERBs para atender verticais específicas como a indústria 4.0.

Anatel: Cibersegurança em Telecom une teles e os mais de 10 mil prestadores de serviços SCM

"Não há como fazer obrigação em cibersegurança. O ambiente tem de ser cooperativo e não é apenas com as teles. São mais de 10 mil pequenos prestadores de serviços e eles têm de estar ativos. Temos de ter uma coordenação entre todos os atores", disse o superintendente de Planejamento e Regulamentação da Anatel, Nilo Pasquali.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

5G precisa ser aberto e transparente

Por Fabio Rua

É possível afirmar que estamos vivendo um momento extremamente crucial na história da tecnologia, ainda mais após todo o processo de aceleração digital e transformação exigidos durante o período da pandemia de COVID-19. As decisões que tomarmos hoje sobre como as redes 5G serão construídas em nosso país terão um impacto sem precedentes na transformação dos negócios.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site