Clicky

Convergência Digital - Home

Keyrus quer jogar o jogo da multicloud no Brasil

Convergência Digital
Ana Paula Lobo - 09/03/2021

A Keyrus quer jogar o jogo da multicloud no Brasil, afirma Marcelo Mendes, Chief Business Development Officer LATAM da Keyrus. Em entrevista,nesta terça-feira, 09/03, o executivo diz que a multicloud está começando no país e lembra o movimento da descentralização dos sistemas da década de 90. "As empresas entendem que ter mais de um provedor de cloud é interessante. Na verdade, há muitas ações desconexas e que até estão trazendo prejuízo, quando a nuvem é para otimizar recursos", disse.

Com 15 anos de presença no país, a Keyrus tem origem francesa e tem como meta transformar os dados em informação. Para isso, a consultoria atua desde a captura, a limpeza e na definição da governança dos dados para que se possa, de fato, tirar informação. "Nós fazemos a orquestração da governança e atuamos com diferentes parceiros entre eles, Oracle e Google", pontuou Mendes.

Segundo ainda o executivo, muita migração para a nuvem aconteceu sem qualquer planejamento e muitos clientes estão tendo de voltar atrás para recomeçar e recuperar o tempo perdido. "Não há dúvida que a maior parte dos dados vai para a nuvem, mas muitas foram sem nenhum estudo e isso causou problemas sérios", destacou. Com clientes nas áreas de telecom, finanças e utilities, que trabalham com muitos dados, um setor surpreende positivamente: o agronegócio. "O campo está muito interessado em coletar dados e transformar em informação. é um mercado gigante", observa o CBO da Keyrus.

Com relação aos impactos da Covid-19, Mendes disse que a Keyrus não sentiu crise de demanda. Isso porque muitas empresas estão aproveitando o momento para fazer o dever de casa para crescer no pós-crise e, aqui de novo, computação em nuvem e inteligência de dados são essenciais em qualquer estratégia de desenvolvimento de novos negócios.

Indagado pelo Convergência Digital sobre qual seria o maior desafio da empresa, Marcelo Mendes foi taxativo: a falta de mão de obra capacitada. A Keyrus até criou a Keyrus Academy para fomentar e capacitar novos profissionais em dados, mas diz que ainda possui muitas vagas em aberto e não há a ilusão de conseguir ocupá-las no curto prazo. "O rouba monte dos últimos dois anos não deu certo. Inflacionou o mercado. Partimos para a formação. Fomos às universidades e nas empresas buscando profissionais desatualizados para adequá-los aos novos tempos. Mas esse é um trabalho de médio e longo prazo", conclui.

Na área de produtos, a consultoria internacional especialista em Inteligência de Dados e Transformação Digital lançou a plataforma Keyrus Aviator, que abrange consultoria e serviços voltados para a jornada na Nuvem. Dentro da jornada Cloud, Keyrus Aviator atua em etapas: análise de cenários de dados, arquitetura e risco, definição de tecnologias e cloud providers, alocação de recursos e ativação de infraestrutura, para, em seguida, gerenciar serviços como planejamento e gerenciamento de demanda, operação de ambientes e ferramentas, metodologia e governança, além da interlocução com fornecedores e suporte ao usuário final.


Destaques
Destaques

Globo migra data center de produção digital para a nuvem pública do Google Cloud

Acordo entre as companhias tem validade de sete anos e engloba o uso do Android TV pela emissora. O data center próprio será vendido, informa o diretor de Estratégia e Tecnologia da Globo, Raymundo Barros. As CDNs da Globo seguem com infraestrutura própria.

TIM faz multicloud com Google, Microsoft e Oracle

Depois de anunciar o big data no Google Cloud, a operadora confirma a migração dos datacenters localizados em São Paulo e Rio de Janeiro para as instalações da Oracle e da Microsoft.



Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV

Veja mais artigos
Veja mais artigos

Como a IaaS está alinhada ao seu negócio?

Por Fábio Lucinari*

Cada vez mais é preciso considerar que as opções convencionais de TI tendem a ser ineficientes no trabalho de auxiliar as companhias a se adaptarem às necessidades e aos desafios do cenário atual. Infraestrutura como serviço oferece soluções projetadas sob medida e aprimoram o consumo da área de tecnologia.

IA, nuvem e IoT exigem data centers mais eficientes

Por Ed Solis*

Adoção crescente de tecnologias como inteligência artificial, internet das coisas e PoE estão na lista para melhorar o desempenho das redes e a eficiência do gerenciamento.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site