Clicky

Home - Convergência Digital

Vivo Pay chega integrado ao Pix e disponível para não clientes

Da redação - 29/04/2021

A Vivo lançou o Vivo Pay, uma conta digital que permite a realização de diversas transações bancárias direto pelo app, com segurança e de forma fácil e simples. O serviço, disponível para qualquer pessoa, é um avanço na estratégia da Vivo na área de serviços financeiros e contribui para a inclusão financeira da população, já que oferece, entre outras funcionalidades, um cartão pré-pago virtual Visa, sem anuidade, para compras online; e permite enviar e receber dinheiro e pagar contas via PIX. Além disso, ao utilizar o Vivo Pay, os usuários podem ganhar até 20GB de "Gigaback" - recompensa em pacotes de dados da Vivo.

Este é um importante passo da estratégia da Vivo na área de serviços financeiros, reforçando o posicionamento da empresa como hub de serviços digitais, que facilita o acesso das pessoas a outros serviços, além de telecomunicações. Com o Vivo Money, lançado em outubro, a Vivo passou a ofertar crédito pessoal para seus clientes pós e controle. E o Vivo Pay traz para toda a população uma nova opção para fazer operações corriqueiras do dia a dia, como pagar contas sem precisar ir a uma lotérica, enviar e receber dinheiro via PIX ou fazer recarga de celular.

"A pandemia levou a uma aceleração na inclusão financeira da população, mas ainda há uma grande parcela de brasileiros desbancarizados ou pouco bancarizados. Muitos são clientes Vivo, têm proximidade com a nossa marca e fazem recargas de crédito pré-pago todos os meses. Uma conta digital gratuita da Vivo pode contribuir muito no dia a dia deles, dando acesso a um mundo de oportunidades. É um serviço que traz facilidade para as pessoas, em linha com o nosso propósito de Digitalizar para Aproximar", diz Rodrigo Gruner, diretor de Serviços Digitais e Inovação da Vivo.

Gigaback e outras funcionalidades

Além de ganhar facilidade e praticidade para realizar transações financeiras, o Vivo Pay tem o "Gigaback". Ao usar o serviço, clientes da Vivo podem ganhar até 20GB para navegar na internet. Basta usar diferentes funcionalidades do Vivo Pay, como completar o cadastro da conta digital, que gera 2GB; ou fazer o primeiro depósito em conta, que dá outros 2GB. Ao realizar a primeira compra com o cartão pré-pago virtual, o usuário ganha "Gigaback" de 6GB e, com a primeira recarga Vivo, recebe outros 10GB. Ao longo do tempo, outras funcionalidades vão gerar "Gigaback".

"Ao invés de oferecer cashback e dinheiro, decidimos oferecer GB como recompensa para os usuários do Vivo Pay, pois sabemos como a conectividade tornou-se ainda mais essencial devido à pandemia. Queremos gerar valor para nossos clientes", explica Gruner.

Para usar o Vivo Pay, basta fazer o download do aplicativo, disponível para Android e iOS. O serviço é livre de anuidades ou mensalidades e a navegação no app não desconta da franquia de clientes Vivo. O Vivo Pay é integrado ao PIX, possibilitando que o usuário faça depósitos em sua conta Vivo Pay, envie e receba dinheiro entre contas do Vivo Pay e outros bancos, e pague por QR Code, sem a cobrança de tarifas. Também é possível fazer transferências e depósitos via boleto, TED e DOC.

Os usuários do Vivo Pay têm um cartão pré-pago virtual Visa, sem anuidade, para fazer compras online. Com o cartão, eles também podem comprar, direto no Vivo Pay, créditos para usar com serviços digitais, como Uber, Spotify e iFood; e fazer recargas de celular de qualquer operadora - ao usar o Vivo Pay para recarregar créditos em celulares Vivo Pré, o cliente ganha bônus de internet de até 2GB, variando conforme o valor da recarga.

Nos próximos meses, o Vivo Pay ganhará outras funcionalidades, como saque sem cartão; recarga de transporte público e será conectado a outros produtos e serviços da Vivo e de parceiros. O objetivo é que o Vivo Pay seja o meio de pagamento da Vivo e para isso seguirá em constante evolução, trazendo cada vez mais facilidade e benefícios.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:

03/05/2021
Vickstar/Vivo não cumpre acordo e 2400 trabalhadores entram em greve em Teresina

30/04/2021
Banco Central descarta brecha de segurança no Pix e adverte contra golpes

29/04/2021
CADE aprova compra de torres da Vivo pela American Tower

29/04/2021
Vivo Pay chega integrado ao Pix e disponível para não clientes

29/04/2021
Apps de pagamentos: Brasileiros confiam mais nas big techs do que nos bancos tradicionais

27/04/2021
Banco Central faz campanha contra golpes no Pix

26/04/2021
Hyndai Brasil contrata Vivo Empresas para carros conectados

22/04/2021
TIM supera 2 milhões de faturas pagas via PIX

22/04/2021
Simples Nacional adota Pix e beneficia mais de 16 milhões de contribuintes

20/04/2021
Fintech nacional de meio de pagamento recebe aporte de R$ 90 milhões

Destaques
Destaques

América Latina se divide sobre uso de ondas milimétricas

Debate com representantes do México, Colômbia, Costa Rica, El Salvador, Argentina e Brasil mostrou que bandas altas no 5G, como 26 GHz, está longe de unanimidade na região.  Colômbia, que prevê leilão 5G no final do ano, não planeja vender a faixa de 26GHz.

Brasil está fora dos países liberados pela Espanha para o Mobile World Congress

Programado para acontecer de 28 de junho a 01 de julho, o organizador, GSMA, fechou um acerto com as autoridades espanholas para isentar os participantes das restrições impostas às pessoas de fora da União Europeia.

Veja mais vídeos
Veja mais vídeos da CDTV
Veja mais artigos
Veja mais artigos

Futuro com 5G não será um nirvana, tampouco um apocalipse

Por Paulo Mannheimer*

O futuro, com 5G, não será nem o Nirvana dos Jetsons nem o apocalipse de "O Exterminador do Futuro". "Blade Runner" continua sendo minha maior aposta.


Copyright © 2005-2020 Convergência Digital ... Todos os direitos reservados ... É proibida a reprodução total ou parcial do conteúdo deste site