Clicky

SEGURANÇA

Robô localizado em São Paulo ataca site do Supremo Tribunal Federal

Convergência Digital ... 21/05/2021 ... Convergência Digital

Um aumento repentino de 400% no número de acessos experimentados pelo site do Supremo Tribunal Federal nesta sexta-feira, 21/5, tem causado instabilidade, derrubado a conexão e impedido acesso dos serviços oferecidos.

Segundo o próprio Supremo, o problema é causado por um robô baseado em São Paulo que tem feito 400 mil requisições de dados públicos por segundo. Esse volume, aliado a sistemas eletrônicos de escritórios que capturam dados de consulta e jurisprudência — todos públicos — tem causado o problema.

Ainda segundo a corte, não houve ataque hacker e a dificuldade não é resquício da instabilidade experimentada pelo site do STF no início do mês, quando o site ficou fora do ar. Este episódio, inclusive, é investigado em inquérito aberto pelo ministro Alexandre de Moraes, sob suspeita de ataque virtual. Os serviços foram plenamente restabelecidos em 12 de maio.

Já naquela ocasião, identificou-se que a instabilidade era causada pelo crescente número de acessos ao site graças aos robôs adotados por empresas e outras entidades para uso lícito. Quando o sistema não consegue identificar se a alta de acessos tem intenções ilícitas, as portas de entrada recebem reforços de segurança.

A estratégia de derrubar o sistema de um site por congestionamento de rede devido a excesso de acessos individuais é uma das formas de ataque virtual, da qual inclusive o Tribunal Superior Eleitoral foi alvo, nas eleições de novembro de 2020. Na ocasião, a rede suportou 436 mil conexões por segundo, segundo o presidente da corte, Luís Roberto Barroso.


Depois de sofrer ataques pesados, CNJ define estratégia de cibersegurança

Relator da política, o presidente do CNJ e do STF, Luiz Fux, destacou que ataques são cada vez mais frequentes e avançados, com alto potencial de prejuízo.

Cidade de São Paulo vai às compras de câmeras públicas

Hoje são cerca de 3500 em atividade e o planejamento é de duplicar esse número na nova licitação, informa Dalmo Álamo, da secretaria municipal de segurança pública da cidade de São Paulo. Os drones também estão fazendo a diferença.

Brasileiros acham um tédio fazer atualização de segurança em PCs e celulares

Tarefa é considerada tediosa para 42%. Sete em cada 10 não veem riscos ao adiar atualizações.

GSI exige orçamento e atualização tecnológica para segurança da informação

Nova instrução normativa manda órgãos federais mapearem ativos de informação e fazerem testes anuais em planos de continuidade para o casos de indisponibilidade de sistemas.



  • Copyright © 2005-2021 Convergência Digital
  • Todos os direitos reservados
  • É proibida a reprodução total ou
    parcial do conteúdo deste site
    sem a autorização dos editores
  • Publique!
  • Convergência Digital
  • Cobertura em vídeo do Convergência Digital
  • Carreira
  • Cloud Computing
  • Internet Móvel 3G 4G