10/06/2021 às 15:14
Carreira


TRT desiste de mediar patrões e empregados de TI em São Paulo
Convergência Digital

A relatora do processo do Dissídio Coletivo em tramitação no TRT, Desembargadora Ivani Contini Bramante, suspendeu a tentativa de conciliação marcada para esta quarta-feira, 9 de junho, com relação ao dissídio coletivo 2020. Não houve acerto entre patrões e empregados e o TRT decidiu pelo não desgaste e cancelou a reunião.

O sindicato dos trabalhadores, Sindpd/SP, informa que, entre 2020 e 2021 foram firmados mais de 1000 acordos coletivos e de PLR com empresas da base, assegurando a integralidade dos direitos como a jornada de 40 horas, PLR, VR, auxílio creche, plano médico e outras dezenas de cláusulas que sobrepõem a legislação trabalhista brasileira.

Não há ainda uma data para a decisão do Tribunal Regional de Trabalho com relação ao dissídio coletivo dos funcionários de TI.


Powered by Publique!